Análise Meteorológica

Tempo nos próximos dias: Primeiro o calor, mas depois as trovoadas após 16-17 de Abril…

- Publicidade - Continue a ler de seguida -

O tempo nos próximos dias será mais quente e estável, finalmente, depois de um período de elevada instabilidade ao longo do mês de Março e algo variável ao longo da primeira semana de Abril

Como tínhamos referido na nossa previsão semanal as temperaturas estão agora a subir, e vão continuar, e iremos ter valores superiores a 30ºC em alguns locais

Contudo, e devido a uma depressão a leste que inicialmente não se estava a prognosticar da mesma forma, as temperaturas não devem subir tanto como se chegou a anunciar – chegaram a ser previstos valores até 36\37ºC, algo que, com as previsões atuais, não parece, de todo, provável

- Publicidade - Continue a ler de seguida -

De qualquer forma serão valores muito acima da média, de puro Verão, típicos de finais de Junho, com calor no litoral. Este calor atingirá também a Madeira, mas não os Açores, que devem ficar à margem

No entanto, e como já temos vindo a avisar várias vezes, a Primavera não deverá ser muito estável – aliás nas nossas previsões mensais vimos já desde final do ano passado a falar sobre isso, parece haver condições para uma Primavera instável, com vários dias de trovoadas, e mais intensas que o habitual

Este cenário quente irá prolongar-se até dias 16\17 (sendo que começará de forma mais intensa entre dias 10 e 11, e por essa razão, irá durar cerca de 7 dias, o que poderá configurar uma nova onda de calor, a segunda do ano) mas depois tudo indica que uma depressão na região dos Açores irá desestabilizar o anticiclone, que começará a migrar um pouco mais para Norte

Assim a partir dos referidos dias é possível a chegada de instabilidade – dependendo da evolução poderemos ter maior ou menor persistência da mesma, assim como maior ou menor intensidade, para já não é possível avaliar com maior certeza, no entanto parece ser um cenário já bastante provável

Podemos ver na seguinte carta de previsão do modelo ECMWF para os dias em questão o anticiclone a enfraquecer, com uma depressão nos Açores que o poderá quebrar, mostrando-nos a probabilidade de trovoadas que referimos – de seguida um pequeno resumo do que esperar, quais os dias mais quentes, e quando deverá começar a probabilidade de trovoada – e se é para ficar

Tempo nos próximos dias

- Publicidade - Continue a ler de seguida -

TEMPO NOS PRÓXIMOS DIAS – QUAIS OS DIAS MAIS QUENTES E QUAIS AS TEMPERATURAS PREVISTAS?

Já a partir deste dia 10 (QUARTA-FEIRA) as temperaturas devem ficar por cima da média. Pode ver a previsão AQUI

Mas será na QUINTA-FEIRA, dia 11 (Pode ver previsão AQUI) que a temperatura sobe de forma mais significativa e atingirá já valores próximos ou localmente acima de 30ºC tanto no Continente como na Madeira, com uma noite quente também

Poderá haver recordes de calor na ilha da Madeira, enquanto que em Portugal Continental, apesar de serem valores elevados, não devem quebrar valores máximos para esta altura do ano, no geral

Este calor será de Norte a Sul, do litoral ao Interior, com o vento a predominar de leste – a região mais quente pode mesmo ser a região Centro do país

Os dias mais quentes deste episódio de calor deverão ser os dias 11 a 15 de Abril, sendo que uma média multi-modelo aponta o Sábado, dia 13, como o dia mais quente, com probabilidade de valores máximos a rondar os 32 a 33ºC

Será sem dúvida um fim-de-semana já de completo Verão, bem-vindo depois de várias semanas instáveis! Aproveite para arejar e aquecer a casa! Se gosta de praia e tem disponibilidade poderá aproveitar para dar um saltinho. A água é que ainda não estará muito quente! (15-17ºC)

- Publicidade - Continue a ler de seguida -

Podemos ver a imagem de previsão de máximas pelo modelo ICON para este dia, mostrando-nos as temperaturas referidas – e o calor em todo o país!

Temperaturas elevadas


DEPOIS CHEGARÃO AS TROVOADAS? SERÃO FORTES E ONDE OCORRERÃO?

Olhando ao ensemble GFS vemos que as temperaturas estarão vários graus por cima da média durante vários dias, normalizando um pouco depois por volta de dias 16\17

A carta parece de difícil interpretação mas na realidade cada linha representa uma possibilidade (o modelo é executado 30 vezes com dados diferentes iniciais para contar com a incerteza, dando um resultado diferente). Se todos os resultados forem iguais então o cenário é muito provável, se houver muitas diferenças então temos ainda muita incerteza, e temos que continuar a acompanhar

E na realidade é isso mesmo que podemos ver na carta – as linhas de cima (temperatura) e de baixo (precipitação) estão ainda bastante confusas, indicando claramente um cenário de dificuldade na previsão e incerteza, mas também parece evidente o surgimento de instabilidade após dias 16\17, com temperaturas um pouco mais baixas (mas sem frio)

Além dos ensembles obviamente usamos outros métodos de previsão, e os padrões atmosféricos parecem evidentes ao mostrar um cenário claro de FORTE probabilidade de instabilidade, pelo que, para já, a nossa previsão vai nesse sentido

Trovoadas prováveis na segunda quinzena de Abril

Tendo em conta o que se vai vendo em termos de energia potencial disponível nas várias atualizações dos modelos mais fiáveis, e nos seus ensembles é possível que estas sejam já trovoadas com bastante energia disponível, potenciando o risco de granizo\saraiva grande e\ou rajadas. No entanto a esta distância ainda não é possível prever detalhes

Este tipo de trovoadas é, praticamente sempre, mais provável nas regiões do Interior, e por isso, puramente baseado em estatística é no Interior Norte e Centro onde nos parece mais provável a ocorrência das mesmas

No entanto esta é, como referido, uma previsão baseada em nada mais que estatística e aquilo que normalmente ocorre: não sendo para já possível ainda referir com mais exatidão os pormenores – terá de seguir as nossas previsões diárias e semanais AQUI

- Publicidade - Continue a ler de seguida -

Estas trovoadas não são persistentes normalmente – ou seja não ocorrem durante muitos dias – uma vez que o anticiclone acaba por surgir e criar condições para que a estabilidade regresse, normalmente devido a ar mais seco

No entanto as condições do final do mês, com o aquecimento final da estratosfera, e com um Atlântico bastante menos ativo, segundo as nossas projeções, poderão levar a um anticiclone enfraquecido

Assim, pelo menos durante as tardes não seria surpreendente ver vários dias com instabilidade – seguida por noites calmas

Pode até haver dias melhores, mas a instabilidade poderá começar a surgir com alguma frequência se a nossa previsão se concretizar, trazendo aquilo que já tínhamos referido – uma Primavera à antiga

Tempo nos próximos dias: Primeiro o calor, mas depois as trovoadas após 16-17 de Abril...


ESTA INSTABILIDADE IRÁ PERSISTIR? VOLTARÁ O FRIO?

A previsão meteorológica define uma circulação incerta no final do mês, que estamos a acompanhar. Como já referimos o anticiclone pode migrar um pouco mais para Norte, e quando isso ocorre as previsões são, invariavelmente, mais difíceis, e com mais incertezas associadas

Se o anticiclone acabar por se posicionar mais sobre a Escandinâvia e\ou Gronelândia e tivermos ainda um novo padrão NAO-, como alguns modelos projetam para o final do mês não se pode descartar alguma situação de instabilidade tanto nas ilhas como Continente, e até frio

Iremos continuar a acompanhar – este ano tem sido cheio de surpresas, pelo que uma nova surpresa antes do Verão não se pode descartar!

Não será um Abril, águas mil, de todo, mas pode terminar com alguma surpresa!

Ainda há neve na Serra da Estrela na data de escrita desta previsão (9 de Abril), e se desejar ver o elemento branco na Serra mais alta de Portugal Continental deverá fazê-lo até ao final desta semana, uma vez que o calor previsto deverá derreter a maior parte, senão toda, a neve rapidamente- e dificilmente voltará a nevar este ano, pelo menos de forma significativa! Foi um ano péssimo a nível de neve, no entanto acabou por ser algo “salvo” pelo mês de Março, com 2 nevões a sério!

- Publicidade - Continue a ler de seguida -

Imagem da estância de ski da Serra da Estrela ( fonte: MeteoEstrela ), data no canto superior direito

Tempo nos próximos dias: Primeiro o calor, mas depois as trovoadas após 16-17 de Abril...

Nos Açores, por volta de dias 16\17 a depressão que deverá acabar por desestabilizar o anticiclone pode estar muito próxima das Ilhas, e, por isso, sim, existe a possibilidade de alguma instabilidade

No entanto para já nada concreto, temos de ir acompanhando!

Na Madeira, para já, não parece ser provável a ocorrência de chuva ou trovoadas – o anticiclone está mais forte, e dificilmente deixará alguma depressão descer o suficiente na região para provocar instabilidade – no entanto temos de continuar a acompanhar – por vezes pequenos desvios fazem toda a diferença!

A probabilidade de precipitação segundo o ECMWF >10mm até dia 24 de Abril é maior no Norte e Centro, sendo muito alta nos Açores. Na Madeira parece pouco provável

Probabilidade de chuva até dia 24 (>10mm ECMWF)


NOTAS FINAIS E FONTES USADAS PARA A INFORMAÇÃO

ATUALIZAÇÕES: Para mais atualizações e outras previsões\informações siga a página Luso Meteo – Meteorologia e Clima no Facebook AQUI

Pode também seguir no Twitter\X AQUI e na Google Notícias AQUI

Para nos ajudar pode partilhar para que cheguemos a mais pessoas!

Se desejar ajudar com donativos para o projeto, para suportar custos de website\manutenção e serviços de subscrição para vos trazer o melhor conteúdo pode fazê-lo, ficamos muito agradecidos!

Pode fazer através de MBWay para 918260961

Ou IBAN para PT50 0007 0000 0029 3216 7422 3

Pode ainda contactar por WhatsApp para 918 260 961 ou email  se pretender um patrocínio\publicidade na nossa página\site e para orçamento para previsões personalizadas e detalhadas!

Muito obrigado pela sua confiança e preferência!

- Publicidade - Continue a ler de seguida -

Fontes usadas para esta informação meteorológica

Meteologix

Meteociel

ECMWF

Luso Meteo

A Luso Meteo é um serviço de informação e previsão meteorológica, focado essencialmente em Portugal, mas também com um olhar atento ao mundo, ao clima, e a tudo o que se vai passando, para lhe trazer todas as informações, sempre atualizadas e relevantes, para que possa planear os seus dias e as suas atividades.

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo