• Tempo severo no Interior Norte esta Segunda, nublado no resto do país, com abertas e tempo ameno

    Tempo severo no Interior Norte esta Segunda, nublado no resto do país, com abertas e tempo ameno

    Esta Segunda-feira uma depressão em altitude irá posicionar-se mesmo em cima de Portugal Continental, e influenciar o tempo de forma significativa

    Esta situação deverá gerar instabilidade muito significativa no Interior Norte do país, em particular

    O aquecimento diurno deverá levar a que o CAPE suba até valores de 2000\2500J\Kg, que em conjunto com outros fatores deverá levar a iniciação de instabilidade forte

    Assim, durante a tarde, em especial no Interior Norte, mas também Beira Alta, poderá haver a formação de trovoadas com alguma severidade, com risco de granizo grande (Mais de 2\3cms), risco de rajadas localmente severas (90+ km\h) e risco de inundações por chuva excessiva num curto espaço de tempo

    As células podem ter um ciclo de vida relativamente longo e permanecer estacionárias no Interior durante algum tempo, o que pode levar a chuva superior a 50mm’s numa hora em alguns locais, e gerar inundações

    Estas células podem ou não chegar ao litoral, permanece a dúvida, mas aqui o seu ciclo de vida seria menos longo, e rapidamente iriam “morrendo”, além de que não seriam tão estacionárias

    Na faixa costeira a probabilidade desta situação é bastante baixa, sendo improvável trovoada a menos de 5kms do mar, por efeito da brisa etc

    As zonas com maior risco são as zonas de Trás-os-Montes, e em particular áreas onde, por efeito da orografia, as trovoadas geralmente são mais intensas (Pontos de montanha, mas também o vale do Douro)

    No Gerês também poderá ocorrer trovoada localmente intensa, assim como na Estrela (possivelmente)

    Na região Centro, no Interior, não se descarta trovoada, principalmente no distrito de Castelo Branco, sendo que na região Sul a probabilidade é muito baixa

    Esta situação poderá eventualmente prolongar-se para Terça, embora na Terça, a ocorrer, as condições já serão menos severas, e ainda mais confinadas ao Interior

     

    lusometeopt

    Felgueiras

    Os comentários estão fechados.
  • Atualmente estás offline

    Voltar