Antevisão semanal: Fortes trovoadas no início da semana no Interior Norte, muito calor depois

Antevisão semanal: Fortes trovoadas no início da semana no Interior Norte, muito calor depois

Esta semana deverá ficar marcada pela presença inicial de uma depressão em altitude sobre Portugal Continental, em afastamento para leste

Esta situação irá provocar instabilidade significativa, e dadas as condições favoráveis para a formação de trovoadas no Interior Norte, algumas delas podem vir a ser pontualmente fortes, e com granizo

Poderão chegar pontualmente um pouco mais perto do litoral, mas provavelmente não chegarão à faixa costeira

 

Depois disso assistiremos a uma subida rápida da temperatura, isto porque a dorsal africana do anticiclone vai subir como “resposta” à aproximação de uma depressão isolada a oeste

Essa depressão tudo indica que desta vez irá ficar bem mais longe, e por isso em vez de amenizar, ainda “ajudará” a arrastar mais calor, esperando-se um transporte significativo de calor que fará disparar as temperaturas para cerca de 40 graus em vários pontos do Interior e vales, e mesmo no litoral, possivelmente, com menos nortada, e até alguma lestada, os valores podem aproximar-se também dos 30\35 graus

As noites serão localmente tropicais

Será uma semana com muito menos nebulosidade

Espera-se vento mais do quadrante leste, que oeste, por vezes moderado

O risco de incêndio vai subir, dadas as condições de calor, algum vento, e baixa humidade

 

AÇORES: Também nos Açores semana que começa instável com aguaceiros moderados em todas as ilhas, e depois gradualmente o padrão a regressar ao que temos tido, com aguaceiros pontuais, e abertas

O vento nunca será muito, e o mar estará calmo

Estará algum calor, e um pouco abafado

 

MADEIRA: Semana com fluxo de Norte intenso, e vento pontualmente forte de Norte

Abertas, mas também aguaceiros fracos

Tempo ameno no geral

 

EUROPA: Instabilidade pontual, aqui e acolá, no Centro Europeu, Sul e também nos Balcãs

Até Sexta não deve haver nada de mais, depois pode haver instabilidade mais significativa…

lusometeopt

Felgueiras

Os comentários estão fechados.

Atualmente estás offline

Voltar