Ao longo da tarde deste Sábado com o aquecimento diurno e a presença de uma ULL (Upper Level Low) perto da Península Ibérica estão reunidas condições para a formação de trovoadas

Existem alguns fatores limitadores para estas trovoadas, que são a humidade relativa nas várias camadas da atmosfera relativamente baixas, o que deverá fazer com que as trovoadas sejam algo localizadas e dispersas, no entanto onde ocorrerem podem ser pontualmente fortes dados os valores de CAPE superiores a 1000J\Kg, e podendo conter granizo dado a baixa PWAT, sendo que o granizo até pode pontualmente atingir 2 cm

Estas trovoadas são muito mais prováveis no Interior Centro\Sul, Vale do Tejo, e também no Gerês, sendo pouco prováveis no litoral, onde a Nortada deve surgir e limitar a convecção