Durante a madrugada\manhã já ocorreram alguns aguaceiros\trovoadas em alguns pontos, mas será pela tarde que a instabilidade se irá generalizar, de forma mais intensa, e deve ser o período mais instável deste episódio de instabilidade

Espera-se para a tarde, em especial no Centro\Sul e pontos montanhosos do Norte a possibilidade de ocorrência de fortes trovoadas, aguaceiros fortes e granizo significativo (maioritariamente acumulações de granizo pequeno, embora localmente possa haver algum granizo maior (Até 3cm)

No litoral, nas zonas mais próximas do mar será possível entre Aveiro\Coimbra e Setúbal, sendo improvável no litoral\faixa costeira dos distritos de Viana do Castelo\Braga\Porto

Esta situação deve-se a uma Upper Level Low, que deve a partir de amanhã afetar mais a Madeira, deixando de ter grande influência no Continente

Em baixo ficam algumas imagens que representam a situação, entre as quais CAPE e HR 500\700hPA que assinalam o risco de desenvolvimento de trovoadas, que serão mais frequentes e prováveis no Centro\Sul, mas podem ser mais assinaláveis eventualmente no Norte em pontos montanhosos, dada a maior humidade a 500hPA, mas com menor probabilidade de ocorrência, e também PWAT (Água precipitável) relativamente baixa, que deve limitar a acumulação de chuva

Esta situação de baixa PWAT aumenta o risco de granizo

O movimento das células também deve ser lento, pelo que inundações localizadas serão possíveis

Pode consultar o mapa de risco meteorológico AQUI

E o mapa de probabilidade de trovoadas AQUI